A “autenticação de dois fatores” (ou duas etapas) é uma ferramenta de segurança que representa uma camada extra de proteção para garantir mais segurança no acesso de suas contas em diferentes aplicativos e dispositivos, como nas redes sociais (WhatsApp, Facebook e Instagram), onde é mais utilizado. 

Segundo os últimos dados divulgados pelo Google, em 2019, a utilização dessa função conseguiu interromper de forma eficaz cerca de 96% de tentativas de ataques a contas de usuários.

A alternativa, assim como o reconhecimento facial, é útil para pessoas preocupadas com a segurança de seus dados. Mesmo que outros tenham acesso a sua senha, ninguém pode fazer login em sua conta por outro dispositivo. A função em si não é nova, semelhante ao token ou cartão de segurança, formas já antes utilizadas com os bancos. 

Como uma forma de confirmação de identidade, funciona a partir da inserção de um código de confirmação sempre que for utilizar a conta em um dispositivo diferente. Se torna uma forma de prevenção muito pertinente, principalmente nos últimos tempos no qual é bastante comum a clonagem de contas, principalmente em aplicativos de mensagens instantâneas, onde criminosos utilizam de contas alheias para pedir dinheiro emprestado e aplicar diferentes golpes em nome do usuário lesado. 

Se o serviço que você utiliza oferece essa ferramenta, o ideal é que você opte por utilizá-la. Como nos casos de aplicativos de bancos, e-mails e aplicativos de nuvem.